quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Crianças: O Futuro do Brasil!

Crianças podem nos proporcionar os dois opostos no quesito sentimento, podemos no chocar e até, nos horrorizar com determinadas atitudes das mesmas, brigas, palavras chulas e daí pra pior, como também podemos nos encantar com um sorriso, um carinho ou algo do tipo.

As crianças são reflexo de sua criação, quando vemos brigas, xingamentos e comportamentos agressivos, seus pais ou responsáveis com toda a certeza têm a conduta semelhante ou idêntica, e as crianças vendo e convivendo com esse exemplo dentro de casa, acabam virando um cópia disso.

Manter a calma e serenidade, principalmente com crianças pequenas é realmente algo muito complicado. Às vezes temos vontade de pegar o pescoço daquele pequeno ser, e enforcar até dar um nó, e é exatamente nessas horas que se deve respirar fundo, contar até 450 mil se for o caso, tentar não gritar e fazer o que tiver que ser feito.

Primeiramente pra se pensar na possibilidade de aumentar a população mundial deve-se adotar alguns critérios, pra se ter um filho, se ter estabilidade financeira, emocional e principalmente psicológica. Infelizmente tais critérios não são sequer lembrados por muitos, sabe aquela famosa frase ”isso não podia ter acontecido”?É muito citada nesses momentos.

Crianças de 13,14 anos, que por falta de responsabilidade, descuido ou qualquer outra coisa do tipo acabam gerando novas crianças. E o que a constante ocorrência deste fenômeno acarreta? A completa falta de preparo, maturidade e responsabilidade de pais, que não sabendo criar seus filhos, ou acabam deixando essa tarefa, para outras, como mães, avós, tias e etc. Ou na linguagem mais chula, largam de mão. Crianças que ficam o dia inteiro nas ruas, se metem em brigas, batem , apanham, e até assaltos ou coisas piores. Sem o conhecimento de seus progenitores.

Isso tem a ver com planejamento familiar, casais que esperam pacientemente, conseguir estabilidade financeira, psicológica e mais uma série de fatores, são cada vez mais raros. Sabem que criar um filho não é uma tarefa nada fácil.

Não há nada mais gratificante do que brincar com uma criança, receber um abraço ou carinho, ou melhor, dar um abraço ou carinho. A beleza ao admirar o sorriso, a inocência nos olhos de uma criança, não há bem material que pague. E não há nada mais triste do que observar que o olhar de uma criança perdeu essa inocência, não por vontade própria, mas muitas vezes por influência de algum adulto.

Pode parecer demagogia, mas quando se diz por aí que as crianças são futuro o nosso país, é a mais pura verdade. Será que estamos formando cidadãos conscientes de seus direitos e deveres? Será que estamos educando adequadamente nossas crianças para que no futuro, quando tiverem seus filhos, terem a certeza de que uma família bem estruturada é a base para uma sociedade mais justa e igualitária?

“Educai as crianças para que não seja necessário punir os adultos”.

Um comentário:

  1. é exato! Essa frase que tu deixou por ultimo, resumiu todo o texto! Muitas vezes reclamamos das crianças e dos adolescentes, mas muitos sao o reflexos da criação e educação que tiveram. Só nao vou generalizar.

    E como diz ali, ter um filho é muito facil, agora criar um filho é uma tarefa ardua!

    Bjss

    http://www.estilodistinto.com/

    ResponderExcluir